Flávio Dino diz que Bolsonaro pode tentar um golpe de Estado

Flávio Dino diz que Bolsonaro pode tentar um golpe de Estado

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB), disse em entrevista na Band News que o presidente da República, Jair Bolsonaro, irá tentar um golpe de Estado.

Para o mais novo socialista do Brasil, o eventual golpe precisaria do apoio de determinados setores das Forças Armadas.

“(Os militares) podem ser levados a uma aventura, sim. Não todas as Forças Armadas, todos os militares, mas setores podem, sim, aderir a este intento inconstitucional, golpista, a outros setores sociais que hoje são muito atraídos por essa visão belicista, militarista, que o Bolsonaro representa. Vejo um golpismo processual, que busca a deslegitimação das instituições por dentro, que pode – dependendo a conjuntura – levar até a uma tentativa aberta de golpe”, afirmou.

Flávio Dino ainda reforçou sua tese lembrando que Bolsonaro protagonizou “um catálogo inesgotável” de crimes à frente da Presidência da República – em especial, ao acusar sem provas fraudes nas eleições de 2018. Segundo o governador, a lista de Bolsonaro inclui crimes de responsabilidade e improbidade administrativa.

No entanto, vale lembrar que o Flávio Dino que acredita na possibilidade de golpe de Estado, é exatamente o mesmo que acredita que faz uma boa gestão no Maranhão.

Sendo assim, é melhor aguardar e conferir.

Faça seu comentário

Karla Sarney acredita que ZEMA ajudará no desenvolvimento do MA

por Jorge Aragão

A vereadora Karla Sarney (PSD-MA) se manifestou a favor do projeto de lei ZEMA, que é a Zona de Exportação do Porto do Itaqui que fica localizado em São Luís do Maranhão.

Esse projeto é de autoria do Senador Roberto Rocha (PSDB-MA) e é um incentivo econômico para o desenvolvimento regional e nacional.

Rocha, vem lutando a favor dos empresários que fazem negócios no Porto para que possam fazer suas exportações sem qualquer impedimento e a Zema que é um projeto de visão vai ajudar bastante.

Todos os dias do Complexo Portuário saem produtos primários e semi elaborados, como soja e minério e por São Luís ter uma excepcional localização geográfica vai melhorar as negociações com os mercados de outros países e facilitar o livre comércio. A proposta é transformar o Porto do Itaqui numa das maiores exportadora, promover a difusão tecnológica e reduzir os desequilíbrios regionais.

De acordo com Karla, a “aprovação desse projeto só vai trazer melhorias para todos nós, pois irá desenvolver a industrialização do Maranhão, além de gerar vários empregos. A aprovação da Zema é um marco não só na cidade de São Luís, mas para o Brasil.”, afirma Karla.

Faça seu comentário

Luis Augusto

Deixe um comentário