Laudo confirma que mãe e dois filhos foram mortos por espancamento em Balsas A Polícia Civil aponta que o triplo homicídio pode ter relação com disputa por patrimônio. O caso segue em investigação.

Laudo confirma que mãe e dois filhos foram mortos por espancamento em Balsas A Polícia Civil aponta que o triplo homicídio pode ter relação com disputa por patrimônio. O caso segue em investigação.

Laudos do Instituto Médico Legal de Imperatriz confirmaram que Maria Aparecida de Jesus, de 40 anos, e seus dois filhos, de 14 e 17 anos, foram mortos por espancamento no Povoado Bacaba, na zona rural de Balsas, município localizado a 810 km de São Luís.

Os laudos apontam que Maria Aparecida e a filha foram mortas por espancamento e sofreram traumatismo cranioencefálico provocado por objeto contundente. Já o filho mais velho, além de sofrer traumatismo cranioencefálico, também foi estrangulado.

A Polícia Civil aponta que o triplo homicídio pode ter relação com disputa por patrimônio. O caso segue em investigação.

 

Luis Augusto

Deixe um comentário