Maranhão já registrou mais de 5,7 mil focos de incêndio em 2021, aponta INPE

Maranhão já registrou mais de 5,7 mil focos de incêndio em 2021, aponta INPE

Maranhão já registrou mais de 5,7 mil focos de incêndio em 2021, aponta INPE

Dados apontam um aumento de 25% no número de registros em relação ao mesmo período do ano passado.

De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) o Maranhão já registrou, até o dia 19 de agosto, 5.770 focos de incêndio em todo o estado. Os dados foram captados por meio de satélites de referência.

Segundo o INPE, houve um aumento de 25% no número de focos de incêndio neste ano em relação ao mesmo período do ano passado. Dados da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA) apontam que somente 955 focos de queimadas foram registrados no Maranhão até o momento.

Apesar da diferença entre os números, o Corpo de Bombeiros do Maranhão em Imperatriz lançou uma nova operação de combate às queimadas. A ação chamada de ‘Guardiões do Bioma’, compreende o Maranhão e os outros oito estados que fazem parte da Amazônia Legal.

“Nós temos o lançamento da operação ‘Guardiões do Bioma’, que compreende nove estados da Amazônia Legal e o Maranhão está dentro deste contexto. E o intuito é só um, que é combater e prevenir as queimadas. Nós temos que manter essas queimadas em um número aceitável, haja vista que todos os anos o nosso estado tem enfrentado essa grave crise que tem causado problemas para o meio ambiente e para a saúde das pessoas”, explicou Coronel Célio Roberto, comandante-geral do Corpo de Bombeiros.

Luis Augusto

Deixe um comentário